Apoio:




















Brinquedos Indígenas

São muitos os povos indígenas, mais de 200 etnias, em milhares de aldeias por todo o território nacional. Tribos com cultura, idioma e territórios próprios. Esses povos têm um pensamento, uma literatura oral riquíssima, música, dança, arte, tecnologia, ciência, conhecimentos. ( IDETI – Instituto das Tradições Indígenas).

Os brinquedos tradicionais indígenas contam a história e a cultura de cada povo.

Bororo – O jogo de estratégia Adugo, nele o tabuleiro é traçado na areia, onça X cachorros

Povo de língua do tronco macro-jê. Os Bororo Orientais habitavam tradicionalmente vasto território que ia da Bolívia, a oeste, ao rio Araguaia, a leste e do rio das Mortes, ao norte, ao rio Taquari, ao sul. Eram citados nos relatórios dos presidentes da província de Cuiabá como nômades bravios e indomáveis, que dificultavam a colonização. Em 1990, com uma população de aproximadamente 930 pessoas, vivem no estado do Mato Grosso.

Kashinawá – bola feita de seiva de árvore típica da região da Floresta Amazônica

O povo Huni Kuin faz cerimônias para marcar cada passagem importante da vida da aldeia. O batismo é o momento de dar nome aos meninos e meninas, de protegê-los com banhos de ervas para que tenham saúde e força para o resto da vida. Essa cerimônia reúne todo o povo, que vive no Acre, com muitos cantos e danças alegres, acontece no pátio da aldeia em torno de um tronco de paxiuba, uma árvore típica da Floresta Amazônica.

Para chegar-se a aldeia são necessários alguns dias de viagem: transporte aéreo, terrestre e por fim fluvial.




Zohn Ahl - Sioux (EUA)

 

Boneca - Tribo Guarani (SP)

Bola - Tribo Kashinawá (AC)




Adugo - Bororo (MT)



Clique nas imagens para ampliar.